Estamos nas redes

Cidade

Sinal aberto para obras do viaduto de Sobradinho

Publicado

de

O Governo do Distrito Federal dá mais um passo para melhorar a qualidade do trânsito em Sobradinho. Nos próximos dias, o Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER) vai publicar o edital para o lançamento da licitação da construção de viaduto de acesso à cidade pela BR-020, próximo à Quadra 2.

A obra é orçada em cerca de R$ 34 milhões, montante garantido por emendas de parlamentares federais. A Caixa Econômica Federal – formalmente, o agente financiador da construção – já autorizou os recursos e chancelou os projetos estruturais. A construção está prevista para começar nos primeiros meses de 2022, com perspectiva de conclusão em até 12 meses. O valor estimado inclui toda a estrutura viária, com serviços de terraplenagem e encabeçamento, entre outros, abrindo frentes de trabalho para centenas de pessoas.

“Estamos investindo em mobilidade para dar qualidade de vida à população, para as pessoas terem tempo de ficar com a família, chegarem mais cedo ao trabalho ou não se atrasarem no horário da consulta”, afirma o governador Ibaneis Rocha. “Essa Saída Norte era um problema há muitos anos, e estamos resolvendo isso.”

Tão logo sejam concluídas as obras, lembra o diretor-geral do DER, Fauzi Nacfur Júnior, o novo elevado vai completar as obras viárias já entregues da Saída Norte. “Depois da construção do Complexo Viário Joaquim Roriz, o acesso a Sobradinho leva 20 minutos”, atenta o gestor. “Agora os engarrafamentos são constantes nesse ponto onde será construído o novo viaduto, mas a obra resolverá essa questão”. O Complexo Viário é composto por 23 viadutos e quatro pontes, e o novo viaduto de Sobradinho beneficiará cerca de 50 mil condutores que passam diariamente pelo local.

Os viadutos servirão para aliviar o fluxo de veículos em pontos de tráfego intenso nas cidades do DF. Além desse de Sobradinho, há outros quatro em construção no Recanto das Emas, Paranoá/Itapoã, Riacho Fundo e Jardim Botânico.

Aliado à melhoria do trânsito de veículos, o plano viário da atual gestão inclui investimentos na mobilidade para outros meios de transporte, como bicicletas.  O viaduto contará com uma ciclovia de 25 km, ligando Sobradinho e Planaltina. Atualmente o DF já tem mais de 160 km de malha cicloviária.

Com informações da Agência Brasília