Connect with us

Notícias

TCU LIBERA APURAÇÃO DE IRREGULARIDADES NO MEC

Published

on

O ministro Walton Alencar, do Tribunal de Contas da União, liberou uma inspeção para apurar possíveis irregularidades no Ministério da Educação. A determinação ocorre em meio a denúncias de influência dos pastores Arilton Moura e Gilmar Santos na liberação de recursos da pasta, que levaram à saída do ministro Milton Ribeiro.

De acordo com o ministro do TCU, a apuração dos dados desse caso continua sendo de extrema gravidade, mesmo após a exoneração de Ribeiro.

Vale lembrar que Milton Ribeiro pediu exoneração do cargo de ministro da Educação no dia 28, uma semana após a divulgação de um áudio em que ele afirmava que o governo federal prioriza a liberação de verbas a prefeituras ligadas a dois pastores. Sem cargos, os líderes religiosos atuariam em um esquema informal de liberação de verbas do MEC, segundo reportagem da Folha de São Paulo.

A Polícia Federal abriu inquérito na semana passada para investigar a ação dos pastores junto ao MEC. A pedido da Procuradoria-Geral da República, o Supremo Tribunal Federal também autorizou a abertura de apuração.

Ribeiro admitiu ter encontrado os religiosos, mas isentou de culpa o presidente Jair Bolsonaro.