Connect with us

Notícias

MULHER É ARRASTADA E EXPULSA DE BAR NO DF

Published

on

RESPOSTA DO OUTRO CALAF

Uma mulher, de 42 anos, foi arrastada e expulsa de um bar no Distrito Federal após defender o presidente Jair Bolsonaro. A cliente teria gritado palavras a favor do chefe do executivo nacional, após o público tê-lo xingado. Em boletim de ocorrência na Polícia Civil, ela disse que recebeu uma gravata e suas roupas foram rasgadas.

O Caso ocorreu no Outro Calaf, noite desse domingo. Um vídeo com a confusão circula na internet.  A ocorrência foi registrada na 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte, que apura o caso. 

No boletim de ocorrência, a vítima disse que estava apenas “exercendo sua democracia.

RESPOSTA DO OUTRO CALAF

Sobre o ocorrido, o Bar Outro Calaf afirmou que a mulher subiu ao palco e tentou interromper a cerimônia do Prêmio Marielle Franco de Direitos Humanos, da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF).

Em nota, o estabelecimento disse que, ao descer do palco, a mulher envolveu-se em repetidas confusões e agrediu frequentadores, funcionários e seguranças. Ainda de acordo com o comunicado, o bar diz não concordar com a ação da segurança terceirizada. “Nenhum tipo de violência é justificável. Já encaminhamos reclamação para a empresa responsável”, completou.