Connect with us

Cidade

Ceilândia vence Avaí e faz história na copa do Brasil

Published

on

A quinta-feira foi histórica para o futebol de Brasília. O Ceilândia foi ao estádio da Ressacada, na Ilha de Florianópolis, e venceu o Avaí, time da primeira divisão nacional, por 2 a 1.

Com o resultado, o Gato Preto garantiu vaga, pela primeira vez em sua história, na terceira fase da Copa do Brasil. E tem mais: com a classificação, o time candango vai embolsar R$ 1,9 milhão. Ao todo, a equipe já soma mais de R$ 3 milhões em premiações na competição.

INÍCIO ATRASADO

A forte chuva que caiu na capital catarinense atrasou em quase uma hora o início da partida. Poças de água tomavam conta de praticamente toda a parte do campo. Só após a drenagem do estádio Ressacada começar a fazer efeito que Ceilândia e Avaí iniciaram o duelo pela segunda fase da Copa do Brasil.

O Gato Preto abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo com o lateral-direito Cristian. Mas a alegria do alvinegro durou pouco. Dois minutos depois, aos 21, a zaga do Ceilândia falhou e Morato deixou tudo igual no placar. Ainda no primeiro tempo, as duas equipes perderam dois jogadores. Igor Ribeiro, pelo Gato Preto, e Bruno Silva, do lado do Avaí, foram expulsos.

O gol da classificação do time candango saiu já na reta final da partida. Aos 44 minutos, quando tudo indicava que o confronto seria decidido na disputa de pênaltis, o zagueiro Gabriel Vidal acertou um belo chute e garantiu a classificação histórica do Ceilândia para terceira fase da Copa do Brasil. O adversário da próxima será decidido por sorteio.